Um ovo-lacto vegetariano é um tipo de dieta vegetariana para indivíduos que não comem carne de animais de qualquer espécie, mas estão dispostos a consumir produtos lácteos e ovos. Em contraste, um vegetariano que não consome quaisquer produtos de origem animal são chamados de vegan ou veganos. Veganismo exclui até mesmo produtos animais encontrados em roupas, como a lã, pele e outros produtos à base de animais.

Mas um ovo-lacto-vegetariano é um vegetariano?

Na comunidade vegetariana e vegana, não há um consenso sobre quem é ou não é vegetariano. Porém, é interessante considerar que muitos membros dessa comunidade tem fortes princípios éticos e crenças quase que religiosas quando ao vegetarianismo, o que dificulta que se chegue a um consenso sobre quem é ou não é vegetariano/vegano.

Pensando racionalmente, o ovo-lacto-vegetariano pode ser considerado um estágio de transição entre a fase de comer carne e passar a comer apenas vegetais. Lógico, muitos ainda continuam na fase do ovo-lacto-vegetariano, passando inclusive a adquirir apenas produtos orgânicos, de produção própria ou familiar. Não se pode é ser extremista quando aos conceitos de vegetarianismo e veganismo, uma vez que o importante é conscientizar as pessoas de que é possível ter essas dietas, e ainda por cima, ser saudável. É do vegetarianismo que se parte para adotar uma filosofia vegana para seu estilo de vida.

Como é a dieta ovo-lacto-vegetariana?

No mundo ocidental lacto-vegetarianos são o tipo mais comum de vegetariano. De um modo geral, quando se usa o termo vegetariano, assume-se que é um ovo-lacto. Lacto-vegetarianos muitas vezes são bem servidos em restaurantes, supermercados e lanchonetes, onde é  possível encontrar uma boa diversidade de alimentos com ingredientes não animais.

Uma forma de transição gradual

A dieta ovo lacto vegetariana é a melhor forma de transição para uma dieta vegana, respeitando a transição natural do seu organismo para a troca de alimentação. (Foto: fidilio.com)

Vegetarianismo ovo-lacto é muitas vezes motivado pela ética, já que ovos e produtos lácteos não necessitam diretamente do abate de animais. No entanto, como ovos e leite são produzidos apenas por galinhas e vacas do sexo feminino, os produtores de alimentos comerciais, muitas vezes, se envolver na prática da sexagem, em que os machos ou são abatidos imediatamente (típico para frangos) ou criados para a carne (mais comum para o gado). Tanto as vacas leiteiras quanto galinhas poedeiras são abatidas quando elas saem do período de produtividade de pico, que normalmente é muito menor do que seu tempo de vida natural. Isso tem levado muitos vegetarianos a buscar produtos com certificados de instituições independentes que garantem a procedência ética dos alimentos, sejam eles produtos lácteos ou ovos, dando a certeza de que nenhum animal foi abatido durante a produção do alimento consumido.

Vegetarianismo e religião

Algumas religiões, como os adventistas do sétimo dia, têm recomendado uma dieta vegetariana que pode incluir produtos lácteos e ovos. Nem todos os ovo-lacto vegetarianos escolhem abraçar esta dieta por causa da religião, no entanto. Muitas vezes, é apenas uma questão dos direitos dos animais, ou até mesmo por motivos de saúde. Muitos praticantes de Yoga também passa a adotar essa dieta, seja por motivos espirituais ou de saúde.

A dieta ovo-lacto-vegetariana é sim, um tipo de vegetarianismo, mesmo que para muitos ainda seja um estágio de transição. E é importante compreender e aceitar essas pessoas para que haja uma maior união dos grupos vegetarianos e veganos e com esse fortalecimento, mais pessoas entendam que além de saudável, a opção por não comer carne animal pode ser um sacrifício, mas é de uma grande ajuda aos animais.

Você concorda ou discorda de nós? Por que? Compartilhe sua opinião nos comentários abaixo!

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos, dietas ou utilize substâncias, mesmo que naturais, sem a indicação de um médico especialista.

2 comentários para “Ovo-Lacto-Vegetarianos! Explicando este conceito!”

  1. Thays

    Adorei a parte que você disse que devem aceitar e respeitar as pessoas ovo-lacto vegetarianas. Estou tentando deixar de comer carne, mas não gosto de entrar e sites e grupos vegetarianos/veganos porque não me sinto acolhida, e acho que deve acontecer justamente o contrario. Devemos respeitar todos os tipos de vegetarianos, para nos unirmos, e não haver essa segregação

    Responder
    • Elias

      Concordo plenamente com a amiga, estou iniciando agora também nesta caminhada abençoada.

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)