A anemia não é um problema restrito à alimentação vegetariana. Existem várias pessoas sofrendo desse mal e que têm uma dieta carnívora. Suas causas são mais profundas, podendo ser relacionadas a uma alimentação não balanceada, carente de certos alimentos, e mesmo à dificuldade de absorção dos nutrientes pelo organismo. O vegetarianismo pode levar à deficiências nutricionais quando a dieta não é equilibrada, quando o indivíduo não se alimenta corretamente de frutas, legumes e verduras, privilegiando, por exemplo, as massas e os alimentos pobres em nutrientes. Em alguns casos a suplementação será necessária, quando apesar dos esforços da alimentação o indivíduo não conseguir suprir as carências nutricionais.

Existem basicamente dois tipos de anemias que podem acometer os vegetarianos:

Anemia ferropriva: É a anemia mais comum entre as pessoas, vegetarianos e não-vegetarianos. É causada pela deficiência de ferro que diminui a quantidade de hemoglobina no sangue e dificulta o transporte de oxigênio no corpo. Os sintomas clássicos são cansaço e indisposição para as atividades. Convém investigar se a causa é a má alimentação ou problemas de absorção. Os alimentos mais indicados para a cura da anemia são as folhas verde escuras, como a couve e o feijão preto. A beterraba também é indicada. O que a sabedoria popular recomenda é o cozimento do feijão em panelas de ferro, elemento que será absorvido pelo alimento. Se a anemia for intensa o tratamento é feito principalmente com a administração de sulfato ferroso oral.

Anemia ferropriva

Anemia ferropriva em vegetarianos

Anemia Megaloblástica: É a anemia causada pela carência de vitamina B12 no organismo. A carência dessa vitamina torna as hemácias exageradamente grandes e diluem as hemoglobinas. O transporte de oxigênio fica comprometido, podendo causar transtornos neurológicos e outros sintomas, como cansaço, perda de apetite, enjoo, perda de cabelos, diarréia, perda de memória, etc. O tratamento para elevar de imediato o nível de vitamina B12 no sangue é feito com injeções. A manutenção da taxa da vitamina pode ser feita com comprimidos e a dosagem somente pode ser medida pelo médico. Alimentos que contenham B12 devem ser privilegiados, como leite e ovos (dieta ovo-lacto-vegetariana), e cereais fortificados. Suplementação alimentar de vitamina B12 também deve ser administrada.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos, dietas ou utilize substâncias, mesmo que naturais, sem a indicação de um médico especialista.

Um comentário para “Vegetarianismo e anemia”

  1. Indy

    Olá parabéns pela publicação, sinto os mesmos sintomas da anemia por falta de vitamina B12. Sou vegetariana há quase um ano. E sinto os mesmos sintomas vou pesir a minha mãe que me leve para fazer um exame de anemia.

    Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)