Estar rodeado de pessoas que tem gostos parecidos aos seus é sempre uma boa forma de motivação para saber que você está indo por um caminho certo, principalmente em momentos difíceis. Para o vegan, a comunidade tem um sentido muito mais profundo do que apenas um grupo de suporte.

As grande mudanças na sociedade só forma atingidas quando a maioria dela adotou um comportamento como parte integrante de sua cultura, fazendo com que a maioria da população aceitasse algo que outrora poderia ser inconcebível. Se você é um vegan e deseja que o mundo também veja os benefícios dessa filosofia de vida, apenas e somente com o fortalecimento de seu grupo é que você pode ter uma esperança de mudar o mundo.

Não falo apenas de amigos pessoais, que podem te apresentar restaurantes, pontos de encontro e até grupos de estudo sobre o assunto. Mas o mundo virtual está recheado de fóruns, perfis no twitter, grupos no Facebook e muito mais. A ideia aqui não é criar um culto, mas compartilhar ideias que fortaleçam a filosofia vegan e tornem seus argumentos mais fortes, podendo te ajudar a influenciar mais pessoas a verem os benefícios deste estilo de vida.

Principalmente para quem está começando, ter alguém do seu lado, te motivando e dando dicas de como se manter no caminho faz uma grande diferença. E eles também te ensinarão como se adaptar melhor e a não ser um vegan chato.

Pirâmide de alimentação vegan

Um dos benefícios de estar em um grupo vegan é o compartilhamento de experiências, receitas e dicas que farão sua qualidade de vida aumentar muito. (Foto: healthy-notions.blogspot.com)

Você pode também encontrar pessoas que estão tentando começar nessa filosofia de vida e servir como um guia para elas. É uma experiência e tanto, além de uma oportunidade para fazer amigos que compartilham de um gosto único com sua pessoa.

Nesses grupos, existem também as maçãs podres, pessoas que são muito extremistas e chegam a ser chatas. Mas eles com certeza não estão nem perto de serem a maioria, e normalmente são excluídos do grupo, ignorados ou acabam mudando por necessidade e por encontrarem o bom senso.

Encontre um grupo, saia com eles, converse. Se este não for um grupo que você goste tanto, procure outros. Em um momento você encontrará pessoas que querem crescer e amadurecer idéias e a filosofia contigo, fazendo do veganismo uma ideia cada vez mais forte e presente em nossa sociedade. Quem sabe um dia as pessoas adotam este comportamento como cultura?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos, dietas ou utilize substâncias, mesmo que naturais, sem a indicação de um médico especialista.

Um comentário para “Grupos de suporte vegan: onde e por que encontrar um?”

  1. Vanessa Sales

    Gostaria de encontrar um grupo aqui em SP Zona Leste

    Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)